Pulando o muro

Muro de Berlim

Na noite de nove de novembro de 1989, um muro com a extensão de 65km, que durante 28 anos dividia a cidade de Berlim ao meio, foi derrubado. Muitos jovens nem lembram mais disso. Ou nunca souberam. Eu lembro sempre que me deparo com novos desafios educacionais e velhos modelos de aprendizado que insistem em perpetuar a ignorância no ensino brasileiro.

Eu tive a chance de visitar as ruínas deste monumento da discórdia. Se as pedras falassem, elas iriam contar sobre anos de intolerância, ódio e liberdade roubada (veja aqui). Todo dia, na Casa do Zezinho, derrubamos muros altos, forjados pela estupidez humana. Não me irrito com quem nunca teve escolaridade, saneamento básico ou oportunidade para sonhar um destino diferente. O que me irrita são os que não percebem o valor do que possuem, as pequenas coisas como ter água quente em casa ou não precisar dormir debaixo da cama para não ser atingido por balas perdidas no meio da noite. Muro de Berlim. Parque Santo Antônio. Zonas de Guerra. Deu pra entender?

Minha luta pela pedagogia e desenvolvimento humano têm muitas frentes de batalha. Quando escrevo aqui para você que me acompanha, não é pra reclamar. Não sou adepta de ficar chorando o leite derramado. Sou de ação, de movimento. Gostaria muito que fosse assim com vocês também, todos que seguem nosso trabalho: voluntários, parceiros, os Zezinhos que hoje já são homens e mulheres de valor. Ninguém prospera sozinho. Para construir algo novo, leva tempo. Abrir uma estrada não é pra qualquer um.

Descubra o muro que precisa pular, quebrar, vencer. Quem sabe do que estou falando, já recebeu o recado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s