Big hand

Carpe diem é uma frase em latim de um poema de Horácio, e é popularmente traduzida para colha o dia ou aproveite o momento. É também utilizado como uma expressão para solicitar que se evite gastar o tempo com coisas inúteis ou como uma justificativa para o prazer imediato, sem medo do futuro. Literalmente, esta frase significa Colhe o dia presente e sê o menos confiante possível no futuro. Horácio foi um poeta lírico e satírico romano, além de filósofo. É conhecido por ser um dos maiores poetas da Roma Antiga.- Wikipédia

Dizem que a vida é feita de momentos, completamente aleatória e imprevisível, onde a mudança aguarda na próxima esquina para te pegar desprevenida. Quanto mais nos preparamos, mais somos pegos de surpresa. Os cientistas até criaram uma definição para isso, a Teoria do Caos, onde qualquer ação pode gerar consequências que nunca poderemos prever. O medo do Caos, da falta de ordem, da rotina e, principalmente, do controle de tudo é um fantasma que assombra o planejamento estratégico de qualquer pessoa, empresário, educador. Imagine carregar a responsabilidade de quase 2.000 crianças e jovens na consciência: Como podemos dar um passo sem saber para onde estamos indo? Como podemos planejar o futuro, nossas vidas e relações, sem uma certeza?

No meio de toda dificuldade encontra-se a oportunidade – Albert Einstein

African KidsO grande segredo é que não existe segredo algum. A resposta é simples: enxergue o outro. Se você não mora em uma caverna, sabe que a sua vida é alimentada por uma série de laços afetivos de maior ou menor intensidade. São relações que ajudaram na sua formação individual, na sua personalidade social. Pela minha experiência, uma boa parte do medo que as pessoas têm pelo futuro é a ideia de ficarem isoladas ou sozinhas. Isso não acontece com quem escolhe participar positivamente na própria vida. Mas, primeiro, é preciso mostrar, ensinar como a vida pode ser positiva.

Quando uma criança ou jovem chega pela primeira vez aqui na Casa do Zezinho, um dos primeiros passos é a integração. A maioria chega como aqueles “tatus-bola”, enrolados em si mesmos, marginalizados por diversos motivos como a falta de oportunidade para expressão, problemas familiares, violência urbana e muito mais. Assim que um ambiente seguro e criativo é apresentado, eles percebem que podem se abrir, se revelar e compartilhar seu próprio universo com os demais. Leva tempo, claro, mas o resultado é um ser humano que reaprendeu a confinar no outro e em si mesmo. No Caos também se cria porque existe uma coisa chamada possibilidade. A possibilidade de sair de um caminho sem futuro, a possibilidade de se educar e aprender, a possibilidade de mudar.

Aprendi que as oportunidades nunca são perdidas; alguém vai aproveitar as que você perdeu. – William Shakespeare

dagblogmateria_quando_crescerEu entendo possibilidade como oportunidade. E eu compreendo oportunidade como Carpe Diem, aproveitar o momento, não desperdiçar o potencial. Tudo tem potencial nessa vida. E todo potencial tem escolha. Você pode usar o seu potencial para fazer o bem ou o mal, isso é escolha. Eu olhei para o meu Caos e vi um caminho na pedagogia, possibilidades de transformação e muitas oportunidades para mudar o meu entorno. Hoje, eu aproveito cada momento, cada dia que se inicia, cada começo. Agora e sempre.

Carpe Diem. Vai atrás do seu sonho. Agora. Neste momento. Já.

Fui.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s