A Encruzilhada das Boas Intenções

Crossroads IIIntenção. Palavrinha difícil, hein? O que te lembra? Eu sempre vou buscar o lado oculto e mais profundo das palavras, portanto, intenção pra mim vira in-tensão, Tensão é uma corda esticada ao máximo, um ideia que te provoca para ser realizada, uma decisão que precisa ser tomada porque pede ação e resultado. Tem aquela frase popular que explica bem isso, “De boas intenções…” e o resto você já sabe. Derivados da intenção como, por exemplo, intento já ajudam a entender melhor. Intento é objetivo, então intenção é objetivo, é meta. Vai prestando atenção que isso é filosofia pedagógica para aplicar na vida. Cada palavra é um passo e as palavras têm poder, o que sai da sua boca tem poder se você souber usar. Boas intenções e boas palavras podem abrir muitas portas e caminhos para quem deseja crescer e ir além. Eu sou prova disso e a Casa do Zezinho também.

Quem dá sentido e caminho para a intenção é a gente, nunca os outros. Se a intenção for pura e correta (como explica o Budismo, por exemplo), não tem como você se dar mal. Se a intenção for torta, aí vira encruzilhada. E o que é uma encruzilhada? É um ponto de intersecção, um lugar onde tudo se encontra primeiro para, depois da decisão, se dividir novamente. Vou virar traficante ou estudante? Encruzilhada. Vou trocar de emprego ou vou parar de estudar? Encruzilhada. Vou terminar essa relação ou ficar sozinho por um tempo? Encruzilhada. Quando um Zezinho ou Zezinha vem conversar comigo em particular, na confiança, eu olho tudo isso. Qual conflito que aquela pessoa está passando, onde ela parou na vida, na encruzilhada dela, nas decisões que ela precisa tomar para seguir em frente. Eu não posso decidir por ela, lembra, quem dá sentido e caminho pra intenção é a pessoa. A decisão é responsabilidade da pessoa. Então como fica?

Razão EmoçãoQuando um educador está começando na profissão, ele acredita que tem solução pra tudo. Ele acredita que tudo que aprendeu, leu e vivenciou até aquele momento é o suficiente. Não é, senão o aprendizado acaba. A boa intenção do educador é testada a cada dia, a todo momento. A encruzilhada do educador é cada novo indivíduo que chega com seus conflitos de criança e adolescente, que chega carregado de dúvidas e indecisões sobre o próprio futuro e o presente insatisfeito. Só conhecer o trabalho dos grandes educadores, não resolve. Esse é apenas a parte do nosso mental que educamos. Tem que olhar o emocional também pra equilibrar.

A boa intenção vem junto com a boa ação. É como um arco e flecha: o arco é tudo que você aprendeu de verdade, o que te dá segurança para educar, aquilo que você pode compartilhar sem medo de errar. O arco é a firmeza. Já a flecha, essa é a intenção dirigida, é o objetivo definido. Se você segura o seu arco com firmeza (habilidades adquiridas, conhecimento), a flecha (intenção dirigida, objetiva) sempre vai atingir o alvo. E o alvo nem precisa ser visto. Ele pode estar lá longe, no futuro que não importa. Por quê? Porque a pessoa que consegui seu arco e flecha já saiu da encruzilhada, já se transformou em alguém mais forte e capaz. Tenho vários educadores aqui na Casa do Zezinho que nem perceberam que já tem tudo pra brilhar, já têm seu arco e flecha nas mãos. Falta só um pouquinho pra iluminar de vez. E não sou eu quem vai estragar a surpresa. Mas estou sempre de olho!

Frases - Buda 01Este texto surgiu das minhas observações na Roda de Formação, o encontro mensal que temos com todos os educadores aqui da Casa do Zezinho. A dúvida (outra palavra para encruzilhada) sempre vai estar presente nas maiores decisões, naquelas mais importantes, que valem a pena. Não tenha medo da dúvida. Muitas vezes, eu encontro a solução nas palavras de pessoas que nem sabem o quanto estão me ajudando. Pessoas que ensinam sem saber que estão ensinando. Meus educadores, minhas crianças e jovens, amigos e parceiros.

Este texto é pra todos vocês, uma flecha de agradecimento. Um arco de abraços e a certeza que as nossas intenções vão sempre acertar no alvo.

Fui.

TIA DAG INDICA:

Um comentário sobre “A Encruzilhada das Boas Intenções

  1. A boa intenção vem junto com a boa ação. Tia Dag estou trabalhando em uma escola da periferia da Zona Norte,acabei de ler seu texto e tenho um pedido, temos bastantes crianças que estão na encruzilhada, em especial temos um aluno que está contra todos essa semana pude presenciar até a presença da polícia junto essa criança para ver se com autoridade ele respeitaria,não quer ficar em sala, professor não sabe o que fazer dirigentes apelam para autoridades maiores e o que vejo e só a conversa que gera nele raiva. Gostaria de levá-lo para uma conversa com a Senhora a intenção como a Senhora falou só vem com a boa ação se ele puder ver que a possibilidade que a uma fecha para seu caminho queria ser seu arco. bjs gisele

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s